saobento_12A maior festa do Município de Santo vai decorrer entre 8 e 12 de julho. Concertos, espetáculos de fogo de artifício e multimédia e “Há Baile no Largo” são alguns dos destaques do programa deste ano, apostado numa programação para públicos diversificados, dos 0 aos 80.

“As Festas de S. Bento são uma aposta inequívoca em termos de promoção do concelho. A partir de 2014, foi feito um esforço para dar um novo impulso e uma nova roupagem às festas, desde o Há Baile no Largo, que se irá manter, a um cartaz de qualidade para todos os gostos ou à novidade desta edição que será a Praça Colorida”, explicou o presidente da Câmara Municipal de Santo Tirso, Joaquim Couto, na sessão de apresentação do programa, que decorreu na quarta-feira, no Parque D. Maria II.

Em termos orçamentais, o valor investido nas festas deste ano é sensivelmente o mesmo do ano anterior. Segundo o autarca, “os tempos exigem rigor e responsabilidade”, pelo que o programa “mantém a qualidade”, mas não entra em loucuras.

Emanuel no dia 10 de julho, Nelson Feitas e Carlão, no dia 11 de julho, e Fado Violado, no dia 12 de julho, são os cabeças de cartaz das Festas de S. Bento 2015. Uma escolha eclética que dá destaque à música popular, ao R&B e hip-hop, e à mistura do fado com o flamengo. Os grandes concertos irão decorrer na Praça 25 de Abril, com a exceção do Fado Violado que terá lugar na bela Quinta de Fora, quase em frente ao Mosteiro de S. Bento.

Nos concertos, a edição deste ano revela ainda como novidade a presença no palco principal, localizado na Praça 25 de Abril, de grupos de Santo Tirso: Leões da Batalha, a 9 de julho, Lando, a 10 de julho, e Dan Riverman, no dia 11 de julho. “Quisemos dar a oportunidade a cantores do concelho, alguns com projeção nacional, mostrando que Santo Tirso também tem grandes valores no campo musical”, sublinhou o presidente da Comissão de Festas, Luís Freitas,

Após os concertos, a população vai poder ainda assistir a grandes espetáculos de fogo de artifício que conjugam luz e música. Sem desvendar o que está preparado para o dia 10 (sexta-feira), Luís Freita deixou no ar que tal como no ano passado, em que se introduziu esta inovação multimédia, haverá surpresas. Já no dia 11, o fogo pode ser visto nas margens do rio Ave, com a tradicional cascata.

A valorização de grupos da terra decorre, ainda, em dois momentos. O primeiro no dia 9 de julho, pelas 21h00, com um desfile pela cidade e uma arruada de bombos, nos quais participam “As Bombas” – Reguenga, Grupo de Bombos da Associação Cultural, Desportiva e Recreativa de Cabanas – Monte Córdova, Grupo de Bombos da Reguenga, Grupo de Bombos de Água Longa, Grupo de Bombos de S. Cristóvão de Refojos, Grupo de Bombos de S. Tiago da Carreira e o Grupo de Bombos “Os Cordovenses” – Monte Córdova.

O segundo decorrerá no dia no 11 de julho, pelas 16h00, com uma arruada de Fanfarras de Santo Tirso: Associação Cultural, Desportiva e Recreativa de Cabanas, B.V. Tirsenses e B.V. de Vila das Aves.

HÁ BAILE NO LARGO

Música não faltará também no “Há Baile no Largo”. Depois do êxito alcançado com a primeira edição, no ano passado, a Câmara Municipal de Santo Tirso volta a apostar nesta festa que, apesar de direcionada para os mais jovens, conseguiu a proeza de juntar várias gerações.

A festa vai repetir-se em 2015, nos dias 10 e 11 de julho, a partir da meia noite, no Largo Coronel Baptista Coelho, com a presença de nove dj’s. Miguel Rendeiro fechará a noite de sexta-feira, depois da presença de “Los Bravos – Dj Tonny e Dj Tony Bianchi”, DJ/VJ Rogério Paulo (80’s) e Pedrinho K. No sábado, o encerramento da noite irá fazer-se ao som do dj Overule, antecedido de Dj Tonny, Bruno Melhor e DJ/MC Élio Rodriguez.

“Esperamos, novamente, atrair muitos jovens não só de Santo Tirso, mas também de fora do concelho, tal como aconteceu no ano passado”, enfatizou Joaquim Couto.

PRAÇA COLORIDA É NOVIDADE

Na Praça Conde de S. Bento surge uma das novidades das festas 2015, onde vai ser colocado um tapete colorido, a cobrir grande parte da praça, com a imagem do santo. Com a utilização de serrim fino e fita de restos de botão, surgirá a imagem de S. Bento, em alto contraste, as aspirais, das formas das vestes de S. Bento, os arcos em ogiva, o vitral, o cravo e as cores de Santo Tirso.

A ligação das festas ao santo é, este ano, marcada ainda por uma grande exposição de pintura “Houve Um Homem BENTO”, de Frei Paulino Luiz de Castro, que estará patente nos Claustros da Igreja Matriz.

Iniciativas que o padre João Pedro, também presente na cerimónia de apresentação do programa das festas, destacou, por demonstrarem a ligação das festividades ao santo devoto.

ESPAÇO DA FEIRA
Finalmente, outras das diferenças da edição das Festas de S. Bento 2015 é a localização dos divertimentos que deixam de estar concentrados no recinto da feira e passam a estar nos terrenos adjacentes à Quinta de Fora, perto da ponte sobre o rio ave, junto ao Mosteiro de S. Bento.

Desta forma, o recinto da feira fica disponível para parque de estacionamento.

PartilheShare on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0Share on LinkedIn0Pin on Pinterest0Share on Tumblr0