resinorteA OFICINA – Escola Profissional do INA promoveu mais uma ação de formação para as questões ambientais. Desta vez, em debate esteve o tratamento dos resíduos. A ação contou com a participação da Resinorte, uma empresa que se dedica ao tratamento de resíduos.

Para os professores da disciplina de Área de Integração, promotores da atividade, esta iniciativa pretendeu, por um lado, sensibilizar os jovens para um melhor tratamento do lixo e, por outro, dar-lhes a conhecer a realidade de uma empresa dedicada à reciclagem.

Ricardo Guimarães, professor de Área de Integração, considera que este tipo de iniciativas é fundamental para os alunos incrementem novos hábitos na sua vida. “Existe um certo desfasamento entre o que nós ensinamos na escola e o que eles praticam em casa. Com esta exposição da Resinorte eles puderam ver todo o trabalho produzido e estar mais sensibilizados para a reciclagem do plástico, papel e outros materiais. Penso, aliás, que devíamos estender este tipo de formação aos pais e aos educadores”.

Sofia Ribeiro, da Resinorte, deu nota do trabalho desenvolvido pela empresa na região, alertando para o impacto negativo que a não reciclagem provoca no meio ambiente. A representante da Resinorte apelou aos jovens para uma maior responsabilização para com o ambiente.

Para os mais de 100 alunos envolvidos na palestra foi um momento para recordar o quão importante a reciclagem é para um desenvolvimento sustentável. Ana Oliveira, do 2.º ano do curso de Comunicação/Marketing, diz que “a reciclagem dos resíduos traz bastantes benefícios para a sociedade. Para além de reduzir a quantidade de resíduos dirigidos ao aterro sanitário, reduz a poluição ambiental. Penso que só pensamos bem nisto, quando toda a informação nos é disponibilizada. E a Resinorte consegui faze-lo”.

A Resinorte é uma empresa de tratamento de resíduos sólidos que serve uma população de aproximadamente um milhão de habitantes e procede ao tratamento de cerca de 350 mil toneladas de resíduos por ano.

PartilheShare on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0Share on LinkedIn0Pin on Pinterest0Share on Tumblr0